BEBÊ CARREIRA MATERNIDADE

Prazer, sou a Fernanda… Mãe da Malu

13 de maio de 2018

Olá, sou a Fernanda, mãe da Malu (Maria Luiza), minha ruivinha de 3 anos e 7 meses.

Sou professora por vocação mesmo, sempre gostei de ensinar pessoas. Minha primeira aluna (cobaia) foi minha irmã, depois, quando ela também se descobriu professora, nossa próxima “vítima” foi nosso cachorro, um Husky siberiano lindo, que ficava nos olhando com seus olhinhos azuis vidrados, só esperando o apagador cair pra sair correndo.

Sempre quis ter filhos, pra dizer a verdade sempre sonhei em ter uma menininha e, Deus, mais uma vez, foi extremamente generoso.

Mas, antes disso temos um caminho percorrido: fui casada por 7 anos com meu “primeiro” namorado oficial, com quem namorei também por 7 anos (dizem que a crise dos 7 existe, será?) mas, por motivos de incompatibilidade de vida mesmo (ele só pensava em trabalhar, um verdadeiro workaholic, não deu certo. Detalhe: nos damos bem até hoje!)

Após me separar, fui a um encontro de 10 anos de formada, e encontrei um amigo da faculdade, que a partir daquele momento investiu bem pesado, dizendo que sempre tinha sido apaixonado por mim… Começamos namorar, ficamos 1 ano e meio juntos e resolvemos que queríamos ter um bebê, tentamos por 6 meses e ganhamos uma princesa, uma princesa mesmo, pitica, nasceu de 38 semanas e 5 dias, com 2,850 kg e 43 cm e, para nossa surpresa: ruivinha! Nossa maior paixão.

A Malu é uma criança doce, centrada, calma, amorosa. Seu nome, Maria Luiza, Maria (senhora soberana e pura) em homenagem a minha avó, uma das pessoas mais bondosas que tive o prazer de conviver nesse mundo e Luiza (combatente glorioso), porque a música de Tom Jobim vivia na minha cabeça durante sua gestação:

“Vem cá, Luiza

Me dá tua mão

O teu desejo é sempre o meu desejo”

E hoje? Vivemos a difícil tarefa de maternar, educar, criar, alimentar e formar uma cidadã de bem… mas isso é história pra outro texto, né?

 

Fernanda Paganini, formada em Química e Pedagogia, é mãe da Maria Luiza(Malu) de 3 anos. Divide seu tempo entre aulas no ensino médio e os cuidados com a filha.

You Might Also Like...

No Comments

    Leave a Reply